quinta-feira, outubro 15, 2015

FRANCISCO ASSIS

Ouvi a entrevista e percebi que Francisco Assis será o próximo lider Socialista. O principal argumento que utilizou em defesa da sua tese passa pela constatação de que em cada decisão do Governo minoritário de Direita o Partido Socialista teria capacidade de interferência e de condicionamento da decisão final. Através de compromissos negociados caso a caso.
 Reconhecendo que existe a necessidade de efectuar reformas que actualizem o Estado Social aos novos desafios da economia mundial, em especial a reforma da Segurança Social, Assis entende que é mais vantajoso para o País que essas reformas sejam influenciadas pelo Partido Socialista na oposição em negociação directa  com a Direita no Governo, do que em coligação com as esquerdas estalinistas e syrisistas, pois que estes partidos nunca aceitarão qualquer  tipo de reforma. Daí que a coligação com a extrema-esquerda seja uma inconsequência em termos das reformas de que o País necessita.
 Ou seja, quando os deputados socialistas passam pelo Parlamento Europeu, aqueles que são inteligentes aprendem o que é a Política séria, o sentido de Estado e a elegancia apesar das diferenças.
 Assis também referiu que não se deve ser governo a qualquer preço nem de qualquer maneira.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home