sábado, janeiro 23, 2016

PALAVRAS NÓVOAS-BARROCAS

 Rodrigo Adão da Fonseca - in Insurgente

"Acabei de ouvir o discurso final de Sampaio da Nóvoa. A quantidade de palavras barrocas mas desprovidas de sentido, muito bem articuladas no seu completo vazio, é a prova provada de que o candidato presidencial domina as Artes do Teatro, com dotes de Educador do Povo, com carácter de ciência. Nem duvido da validade legal do processo de equivalências. O que me assusta é pensar como a cartomância pode ter direito a cátedra, e que o custo de vivermos na post-modernidade e em democracia seja termos de aceitar este nivelamento, por igual, de toda a ciência e de todas as formas de conhecimento. Acresce que a forma parola e provinciana com que uma suposta elite vibra sobranceira a cada palavra soletrada pelo pastor tele-evangélico do Mundo Novo da Velha Esquerda é talvez um dos sinais mais deprimentes para quem, como eu, procura ser optimista, e nunca perder a esperança. O que vale é que esta tanga, se Deus quiser, acaba já no domingo, para voltarmos à normalidade, bem longe da ânsia do “Novo Tempo”."

1 Comments:

Blogger Algarve Património said...

Afinal o que é que o com paio da nódoa tinha para dizer?
Que o Curso de Teatro não serviu para nada, nem para colocar a voz?

16:51  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home