sexta-feira, outubro 23, 2015

A ESQUERDA ACHA QUE A CONSTITUIÇÃO SÓ SE APLICA QUANDO LHES DÁ VANTAGEM

É preciso lembrar duas coisas aos mais distraídos. Uma é a situação financeira de Portugal, saído de um ajustamento difícil e ainda precário. Outra é a Constituição, que não é a Constituição de 1976 — a caminho do socialismo sob a tutela do MFA –, mas a constituição revista em 1982, 1989, 1992 e 1997: a constituição de um regime cujos princípios são a democracia pluralista, a economia de mercado e a integração europeia — a qual, vale também a pena lembrar, não é uma mera questão de política externa, mas o enquadramento internacional das opções internas que dizem respeito à democracia pluralista e à economia de mercado. A oligarquia política, na sua disputa do poder, parece disposta a pôr tudo isto em causa. O Presidente tem a obrigação de obstar a que se perca a noção dos princípios do regime e do interesse nacional. Está a condicionar os políticos, vai limitar as suas opções? É esse o seu papel, foi para isso que foi eleito democraticamente. Viva a Constituição e Deus guarde o Presidente Cavaco Silva."
Rui Ramos - Observador

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home