quarta-feira, maio 20, 2015

A MANIPULAÇÃO DA INFORMAÇÃO DA RTP

Este industrial mostrava com orgulho os produtos da sua fábrica, maioritáriamente vendidos em exportação. Riqueza para ele, para os seus empregados, para o País.
Mas a RTP teima em exibir legendas tão grandes que acabam por tapar as imagens que era suposto serem transmitidas. Eu não consegui ver o tal calçado que era suposto ser apreciado.

Esta compulsão jornalística tem a ver com o paternalismo de não mostrar às pessoas a realidade conforme ela é recolhida pelas câmaras de filmar. O jornalista  apresenta a realidade de forma já manuseada, com angulos, com títulos e legendas que condicionam o espectador e influenciam a sua interpretação dos factos.
A informação televisiva, assente na objectividade das imagens, acaba por ser um exercício de manipulação jornalística que impede que o espectador seja livre e apriorístico ma interpretação das imagens a que acede.
Nas manifestações de rua da esquerda politica, é regra os jornalistas recolherem imagens rasantes de modo a que a multidão aparente ser muito maior do que é. Pois que se as imagens fossem recolhidas de um ponto mais elevado, facilmente se perceberiam as clareiras e os intervalos de 15 e 20 metros que os manifestantes profissionais deixam entre si para fazerem crer  que a coluna a desfilar é imensa.
O jornalismo televisivo é muito batoteiro e, no mínimo, arrogantemente paternalista.

1 Comments:

Blogger Bruno said...

Tudo comunas lá colocados pelo partido. São os maiores tachistas e cunhados do país, pois de outra forma não iriam trabalhar para capitalistas em empresas privadas.

Já a Sic, público, expresso, entre outros, são órgãos oficiais dos ratos do Rato. Está a saque o moralismo e o encobrimento, sem vergonha nenhuma.

Depois admiram-se das sondagens britânicas...

Os juros do Estado estão hoje negativos. Onde estão os bois do ps para lá, as cadelas raivosas, os syrizados, os alternativos? É que na Grécia estão a mais de 25%...

13:35  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home